fbpx

Como trabalhar com assessoria de imprensa

Como trabalhar com assessoria de imprensa

Você certamente já escutou falar de assessoria e assessores de imprensa, não é mesmo?

Mas, é possível que se pergunte como é que esses profissionais trabalham, o que fazem e o mais interessante: Como você poderia se tornar um?

O trabalho do assessor de imprensa é fortalecer a imagem da pessoa, entidade ou organização para a qual presta serviços. É dele a responsabilidade de divulgar eventos, fatos e notícias.

A assessoria de imprensa é uma atividade em alta no Brasil. Os salários são interessantes: em média, R$ 4867, segundo o Banco Nacional de Empregos. No entanto, grandes empresas e personalidades costumam oferecer cifras ainda melhores, ao redor dos R$ 10 mil.

Se você se interessou, continue lendo! Este artigo tem tudo sobre como trabalhar com assessoria de imprensa!

 

O perfil do assessor de imprensa

A diversificação dos meios de comunicação e as redes sociais influenciaram muito o perfil desejado para o profissional de assessoria de imprensa. Há algumas décadas, a profissão se limitava à produção textual simplificada. Hoje, o trabalho do assessor de imprensa não se limita ao contato com jornalistas.

O assessor de imprensa deve ser proativo. O conhecimento profundo sobre as diferentes mídias e canais de comunicação é essencial.

Pensamento estratégico para delinear a comunicação, conhecimento sobre marketing digital, e versatilidade para adaptar-se e entender os diferentes canais de contato com o público também são características comuns a todos os profissionais bem-sucedidos.

No geral, a carreira como assessor de imprensa é para quem gosta de se comunicar e se relacionar com pessoas.

 

Formação do Assessor de Imprensa

A formação desejável para um assessor de imprensa é, sem dúvidas, relacionada à comunicação social. Jornalismo ou Relações Públicas são os cursos mais interessantes para quem planeja se dedicar à área.

Dentro dos cursos de Jornalismo existem matérias relacionadas à profissão. No entanto, ser assessor de imprensa não está necessariamente ligado ao curso.

Muitos dos profissionais que atuam como assessores de imprensa são jornalistas. Porém, vale ressaltar que o jornalismo não é uma profissão que exija graduação específica na área!

Qualquer pessoa com conhecimentos na área de comunicação e interesse na profissão pode se inscrever em um curso livre.

Os cursos livres para a formação do assessor de imprensa apresentam uma vantagem sobre os cursos de graduação: são focados exatamente no trabalho que será desenvolvido pelo profissional.

Esse enfoque direcionado faz com que os futuros assessores estejam melhor preparados para os desafios da carreira. Dessa forma, os cursos livres de assessoria de imprensa são interessantes tanto para quem já concluiu os estudos superiores e planeja se especializar para atuar como assessor, quanto para quem quer se dedicar exclusivamente à carreira.

 

O que faz a assessoria de imprensa

  • Seleciona as notícias que geram interesse da mídia
  • Molda a imagem do assessorado ante as mídias
  • Cria redes de divulgação
  • Orienta a postura e comportamento do assessorado
  • Elabora comunicados de imprensa
  • Convoca entrevistas
  • Cuida da comunicação interna de empresas
  • Reúne dados da mídia sobre o assessorado
  • Antecipa especulações da mídia
  • Traça estratégias de comunicação

 

Área de atuação

Como vertente das áreas correlatas à comunicação, a assessoria de imprensa atua diretamente nela. Todas as áreas onde o profissional é requisitado tem a ver com as necessidades de comunicar dados e fatos a mídia e colaboradores.

Celebridades, jogadores de futebol, atores e atrizes e empresas de médio e grande porte são os maiores clientes de assessores de imprensa.

O terceiro setor também é um grande mercado para esses profissionais. Cada vez mais são as ONGs que procuram serviços de assessoria de imprensa a fim de tornar sua imagem mais sólida ante o público e até mesmo conseguir mais doações.

 

O mercado de trabalho

Existe uma demanda muito grande por profissionais especializados em assessoria de imprensa. O profissional encontra lugar em agências de comunicação, empresas e também oferecendo seu trabalho como autônomo.

Trata-se de uma área concorrida. Dados da Federação Nacional de Jornalismo (Fenaj) indicam que aproximadamente 70% dos profissionais do jornalismo atuam como assessores de imprensa.

Esse interesse pela área se explica quando se conhecem os salários médios do assessor de imprensa. Em São Paulo, por exemplo, o Sindicato dos Jornalistas estabelece o piso salarial para 5 horas de serviço em R$ 3439. Se a jornada for de 7 horas, o piso salarial alcança os R$ 5503.

As oportunidades mais interessantes para assessores de imprensa são oferecidas pela mídia digital. Para ser bem-sucedido na busca por uma colocação, o candidato precisa trabalhar bem a autopromoção.

Manter um relacionamento estreito com a mídia, conhecer as atualidades do mercado digital e trabalhar a comunicação são características essenciais para o sucesso!

O mercado da comunicação empresarial também é visado pelos profissionais. Especialmente em grandes cidades, como São Paulo, Curitiba e Porto Alegre, existem muitas vagas!

Assessorar celebridades é bem mais difícil. O mercado é explorado por agências grandes. Mas, não é impossível!

Uma boa dica para quem está começando é fazer bonito na internet e nas redes sociais. Blogs e Youtube podem ser excelentes ferramentas para mostrar seu trabalho!

Quanto às redes sociais, foque especialmente no LinkedIn, que é totalmente voltado para que os profissionais mostrem do que são capazes. Construa uma imagem forte!

Ainda que muito recomendável, uma graduação em curso superior relacionado à área de Comunicação Social não é imprescindível para a carreira em assessoria de imprensa.

Mesmo que o candidato tenha se graduado em jornalismo ou relações públicas, se deseja atuar como assessor, é necessário que complete seus estudos com cursos específicos de formação, que o capacitarão para desempenhar seu papel com excelência.

O mercado está aquecido, oferecendo muitas possibilidades para quem procura a área de Assessoria de Imprensa. Grandes centros, com muitas empresas e organizações, são mais interessantes para quem procura a primeira vaga de trabalho. A oferta em cidades menores é reduzida.

Para se dar bem, o assessor de imprensa deve ser versátil, se apoiar em conhecimento atualizado e sólido sobre as diferentes mídias com as quais deverá atuar e ser muito empático: A comunicação é feita de pessoas para pessoas.